Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Chaise-Longue

Site de poesia, pensamentos, análise política e social, polémica, pontos de vista, interrogações e inquietações . Aparece de quando em vez, sem obrigações calendarizadas .

Site de poesia, pensamentos, análise política e social, polémica, pontos de vista, interrogações e inquietações . Aparece de quando em vez, sem obrigações calendarizadas .

Mini-conto de ficção

Não consigo deixar de pensar na rapariga .

Alta, pernas bem torneadas, duas rolas virgens firmemente recolhidas no peito,

olhos belos se bem que de cor indefinida ( ou essa indefinição a torná-los ainda

mais belos ), cabelo em que apetece mergulhar as mãos, sorriso quente mas doce .

Será que hoje, por fim, irei ter coragem para lhe dirigir a palavra ?

Trrim ! O som estridente do despertador acorda-me, recordando de modo pouco

agradável que o trabalho não espera .

Afinal ainda não será hoje que superarei os meus constrangimentos, conseguindo

falar com ela .

Nem hoje, nem amanhã, nem mais tarde .

Nunca .

A Supertaça - O Filme do Costume

Assisti ontem ao jogo da Supertaça entre o Futebol Clube do Porto e o Barcelona, mas o desenrolar

e o final do filme eram por demais conhecidos antes mesmo do jogo começar .

É certo que o Barcelona tem a enorme vantagem de contar no seu onze com Messi, indiscutivelmente

o melhor jogador da actualidade ( por muito que isso custe aos fãs de Cristiano Ronaldo ) e capaz de

desiquilibrar uma partida apenas com duas ou três jogadas de génio .

Aliás até acho que sem o Messi o Barcelona seria a equipa mais chata e sensaborona do futebol europeu .

Acrescento, por se justificar - sem o Messi e sem os árbitros, pois o Barcelona continua, de modo permanente

e sistemático, a ser beneficiado pelas arbitragens, faltando apenas conhecerem-se, de modo claro, as origens

e as causas de tal favorecimento .

E o Messi, no jogo de ontem, até nem esteve particularmente brilhante : marcou um golo, aproveitando a

melhor assistência que desde que joga lhe terá sido feita por um adversário ; fez um passe magistral do qual

nasceu o 2º golo do Barça ; e pouco mais .

Mas voltemos ao tratamento preferencial do Barcelona, do qual ao longo da partida de ontem surgiram vários

exemplos . Destacamos apenas alguns :

1º - o mais relevante de todos foi a grande penalidade sonegada ao Futebol Clube do Porto, esbulho esse

( surgido numa altura em que a vantagem do Barça era mínima ) que justificou um lúcido e muito digno

comentário do treinador Vitor Pereira ;

2º - David Villa andou todo o jogo a simular ser vítima de faltas e a protestar, sem sofrer uma advertência

que fosse, quanto mais um cartão amarelo ;

3º - Messi, apanhado em fora de jogo prontamente assinalado pela arbitragem, continuou a jogada e rematou

para a baliza, sem ver o indiscutível amarelo .

Mas se o Barcelona é intocável, Leonel Messi ainda o é mais ...

José Mourinho tem carradas de razão !

Portugal perdeu, mas de cabeça bem erguida . Parabéns !

Na longa madrugada de hoje assistimos, com tristeza mas também com orgulho, à derrota de Portugal

perante o Brasil, na final do Campeonato do Mundo de Futebol de Sub-20 .

A nossa equipa, sem grandes estrelas ( mesmo assim são de salientar Danilo - acima de qualquer outro-,

Nélson Oliveira e Mário Rui ), mostrou-se lúcida, organizada, coesa e solidária .

Estivemos muito perto de vencer .

Houve, em nosso entender, três factores essenciais provocadores da derrota :

1º - a agressão " cirúrgica " a Cédric, atirando-o para o " estaleiro ", uma vez que depois disso o nosso

corredor direito foi uma verdadeira " via verde " para os ataques do Brasil ;

2º - a perdida incrível de Caetano, pois podia ter colocado o resultado em 3-2 a favor de Portugal, tornando

praticamente impossível a inversão do resultado por parte do Brasil - no máximo um eventual novo empate

" atiraria " a decisão para as grandes penalidades ;

3º - para nós o factor mais importante : Mika, que tinha sido um enorme esteio nos jogos anteriores, teve

uma exibição muito descolorida - grandes culpas no 3º golo do Brasil, em virtude da péssima colocação na

baliza quando do remate ; meias culpas no 2º golo, pois defender para a frente é suicídio .

De qualquer modo foi, no global, uma presença dignificante na Colômbia .

E - aspecto primordial - estes rapazes deram uma bofetada de luva branca aos dirigentes do futebol nacional

que os ignoram, preferindo chusmas de brasileiros de terceira categoria e outros sul-americanos também em

muitos casos de qualidade duvidosa .

É tempo de se arrepiar caminho !

 

Teresa Guilherme e a luta ( inglória ) pela beleza

Teresa Guilherme referiu recentemente ter feito liposhaper em todo o lado e ido ao médico

iraniano Christian Chams, reconhecido pelo seu milagroso cocktail de vitaminas .

Só que na entrevista dada pela T. G. à Lux ela não fala da conversa havida com o Dr. C. C.

É, porém, relativamente fácil calcular que tenha sido mais ou menos assim :

T. G. - Senhor Doutor, acha que eu vou ficar melhor ?

C. C. - Mas é claro que sim, Dona Teresa Guilherme . Irei, como sempre, dar o meu melhor . Mas

naturalmente não vai pretender que eu faça milagres, pois não ?

O comportamento ponderado dos símios, um exemplo para os portugueses

Muitos de nós já observaram símios quando se lhes oferece uma banana : descascam-a e comem-a

com voracidade .

Depois, ficam à espera .

Se a oferta se repete, actuam de igual modo .

Se outra banana não surge, após algum tempo de espera acabam por comer as cascas .

É tempo de os milhões de portugueses, sentados há imensos anos à mesa do Orçamento Geral do

Estado, seguirem tão educativo exemplo .

Já foram " papadas " as bananas .

Já não há mais bananas .

Agora, comamos as cascas !...

A crise na UE e os eurocépticos

A crise actualmente vivida pela União Europeia, para além de provocar natural preocupação,

tem também aspectos positivos ( como sucede com qualquer crise, seja ela qual for ) : permitiu

clarificar a posição de certos actores europeus .

O Eixo Berlim-Paris " manda " em todos os restantes intervenientes . Merkel e Sarkozy "cozinham"

as soluções e os demais confessam-se súbditos impotentes .

Mas, com os adiamentos e as soluções apenas parcelares, o que avulta é uma conclusão curiosa

e inesperada .

Falou-se desde sempre no Reino Unido como um país eurocéptico inveterado . Mas, face à realidade

vivida na UE nos últimos tempos, parece inequívoco que a maior eurocéptica, ao mostrar olímpico

desprezo pela União Europeia no seu todo, é a Alemanha da Chanceler Angela Merkel ...

Finalmente ... o inevitável aconteceu - e é possível que seja apenas o começo !

Finalmente a Standard & Poor's - e bastante lhe deve ter custado ... - baixou o rating dos EUA

de AAA para AA+ .

Os EUA perderam assim o rating máximo que detinham desde 1917 e deixaram o " selecto "

grupo de países ( agora 16 ) que o conservam .

A dcisão era inevitável - basta recordar que o déficit dos EUA em Julho de 2010 era de 33

mil milhões de dólares, tendo subido um ano depois para 132 mil milhões de dólares ( cerca

de 92 mil milhões de euros ) .

Aliás Bill Gross,  gestor do Pimco Total Return ( o maior fundo de investimento do mundo ),

acaba de declarar que a Standard & Poor's acertou finalmente e demonstrou ter alguma

coluna vertebral .

Fico à espera dos próximos capítulos ...

Decifrado o enigma

Foi publicado recentemente um estranho anúncio em vários jornais, anúncio esse do seguinte teor :

 

 

                                                           PRECISAM-SE

                      

                         Trabalhadores naturais de Santa Comba Dão ou de zonas próximas,

                         com grande capacidade de trabalho, para um projecto internacional

                         de grande dimensão e relevância .

                         Envio de curriculum vitae pormenorizado para o nº 19740425 ou por

                         e-mail para projecto@otempourge.com .

 

 

Depois de aprofundadas investigações foi-me possível apurar que :

a) o anúncio foi colocado pela Troika ;

b) ainda não houve concorrentes beneficiários do rendimento social de inserção, os quais pretendem

manter intocada a sua grande capacidade de trabalho .

Continuam os " fretes " de certas agências de rating aos EUA

A Moody's manteve o rating de AAA dos EUA, tendo-se limitado a baixar o outlook sobre a dívida

federal do país de estável para negativo .

Mais um compasso de espera até que faça aquilo que, mesmo a contragosto, é inevitável : a baixa

do rating .

Assim as atentas, veneradoras e obrigadas agências de rating norte-americanas Moody's e Standard

& Poor's, estranhamente ( ou talvez não ... ) acolitadas pela Fitch, comportam-se como se nada se

passasse ...

Haveria um elevadíssimo custo adicional no serviço da dívida dos EUA se o rating fosse baixado e

assim as agências ( as verdadeiramente não independentes ) continuam a fazer " fretes " ao país ...

Em contraponto a agência de rating Dagong baixou de novo a notação dos EUA de A+ para A, em 

reacção naturalíssima à elevação do tecto da dívida desse país .

A independência ainda vale alguma coisa !

A agência Dagong é chinesa e a Repúblca Popular da China, a maior detentora de títulos de dívida

do Tesouro dos EUA, tem plena consciência de já estar a correr certos riscos quanto ao reembolso

dessa dívida !

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D