Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Chaise-Longue

Site de poesia, pensamentos, análise política e social, polémica, pontos de vista, interrogações e inquietações . Aparece de quando em vez, sem obrigações calendarizadas .

Site de poesia, pensamentos, análise política e social, polémica, pontos de vista, interrogações e inquietações . Aparece de quando em vez, sem obrigações calendarizadas .

A névoa do Nóvoa

Ó Nóvoa que vais surgindo

'Inda ninguém te conhece

E a gente que te aparece

- Que chega sempre sorrindo -

Não te vai ajudar nada 

Com eles vai sair-te a fava .

Pois que com Soares e Sampaio

É prevista trovoada .

Com o mau tempo em escalada

Vai ser raio atrás de raio .

Jardim de infância

O Presidente do PS, Carlos César, "transferido" para o Continente depois do seu consulado nos Açores,  permanecendo assim beneficiário de benesses políticas, pronunciou-se sobre o conteúdo do discurso do Presidente da República Cavaco Silva na Assembleia da República no dia 25/4, dizendo ter-se tratado de um discurso "de quarta classe" . 

Com esse deselegante comentário Carlos César venceu o campeonato da falta de nível .

É que, ao qualificar o discurso do PR "de quarta classe", o comentário de CC é de "jardim de infância" .

As novas matrículas e o futuro

Apesar de continuarem a proliferar opiniões quanto à persistência da crise a verdade é que os automóveis se vendem como bolas de Berlim ...

É vê-los nas estradas, onde já se lobrigam, em viaturas novas, as letras PS no meio dos quatro algarismos da praxe .

Tenho um Novo PS, dizem alguns, impantes, aos amigos .

O País também necessitava de um Novo PS .

Mas com as fortes ligações a "Évora", muito embora o partido ( e, em especial, o seu principal dirigente, que era o nº 2 do PS do antigamente ) realize esforços intensos no sentido da descolagem, não é de esperar um rejuvenescimento sério .

Marcelo Rebelo de Sousa continua a gerir habilmente os seus timings . Mas nós percebemos

O comentador televisivo MRS continua a movimentar-se no seu palanque semanal na TVI do modo que mais convém aos seus objectivos .

É fácil de perceber o motivo essencial que o leva a defender ser cedo para apresentação das candidaturas presidenciais, alinhando uma panóplia de argumentos a favor da época outonal para o efeito .

Mas o motivo essencial é aquele que, afinal, não transparece da sua argumentação - o candidato que (ainda) não se quer apresentar como tal, embora todos palpitemos que o vai ser, tem toda a vantagem em continuar a aproveitar o seu ( não contabilizável ) tempo de antena, sem os constrangimentos e os condicionamentos que seriam inevitáveis se já se tivesse assumido como candidato .

Mas nós, parafraseando a saudosa Maria José Nogueira Pinto, não resistimos a dizer-lhe :

O Professor sabe que nós sabemos que o Professor sabe que nós sabemos ...

O excessivo optimismo de Barack Obama

À margem da recente Cimeira das Américas os Presidentes dos E.U.A., Barack Obama e de Cuba, Raul Castro ( da dinastia Castro ... ), reuniram-se no desenvolvimento do processo de degelo já há tempos iniciado entre os dois países .

Das declarações proferidas por Obama, quer na Cimeira quer à margem dela, destaco em especial a seguinte frase :

" A Guerra Fria acabou " .

Talvez isso seja ( relativamente ) verade na Região, mas no Planeta Terra está muito longe de o ser .

É que não é possível esquecer nem sequer menosprezar Putin, essa " malfadada descoberta " de Boris Ieltsin 

Ou talvez lá no fundo, ao decretar o decesso da Guerra Fria, Obama estivesse, afinal, a assinalar, de forma indirecta, o ressurgir da Guerra Quente ...

É que Putin, esse ex-KGB que não renega as suas origens, vai avançando na reconstituição da ex-URSS - da qual tem uma evidente e insofismável saudade -, pé ante pé mas sem solavancos e muito menos retrocessos .

 

 

Henry Ford e Portugal

Henry Ford estabeleceu uma regra gestionária da maior relevância :

"Não ache um culpado, ache uma solução" .

É por praticar pouco esta regra que Portugal está como está !

António Costa informa ir deixar a Câmara de Lisboa no dia das mentiras : Sintomático !

Finalmente -" não há bem que sempre dure nem mal que nunca acabe " - António Costa informou deixar a presidência da Câmara Municipal de Lisboa no dia 1 de Abril de 2015 .

Esta transmissão, surgida quando surgiu ( no dia conhecido como o Dia das Mentiras ), é sintomática .

É que António Costa bem sabe que a sua despedida da Câmara nesse dia é, simultaneamente, verdade e mentira .

Verdade por ser esse o dia no qual, de modo formal e inequívoco, o abandono se concretiza .

Mentira uma vez que, na prática, já há largos meses que António Costa era tudo menos presidente da autarquia .

Foi feliz - e abrangente ! - a escolha do dia para dar a notícia que os lisboetas ( e também a generalidade dos portugueses ) já conheciam há imenso tempo .

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D