Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Chaise-Longue

Site de poesia, pensamentos, análise política e social, polémica, pontos de vista, interrogações e inquietações . Aparece de quando em vez, sem obrigações calendarizadas .

Site de poesia, pensamentos, análise política e social, polémica, pontos de vista, interrogações e inquietações . Aparece de quando em vez, sem obrigações calendarizadas .

Eurico Brilhante Dias é capaz de andar preocupado ...

Eurico Jorge Nogueira Leite Brilhante Dias é o Presidente do Grupo Parlamentar do Partido Socialista na Assembleia da República durante a presente legislatura .

Mas não estranho que certos acontecimentos vividos no hemiciclo o possam andar a preocupar .

É que o de iure Presidente da Assembleia da República Augusto Santos Silva tem andado a tomar atitudes que de nenhum modo se coadunam com o estatuto que lhe está atribuído .

Santos Silva tem proferido comentários, em sanha permanente contra André Ventura do Chega, que objectivamente se apresentam como verdadeiros integrantes de uma troca de argumentos entre bancadas partidárias .

Será que Eurico Brilhante Dias pode estar a temer a usurpação por Santos Silva do seu cargo de Presidente do Grupo Parlamentar do PS ?...

Precisa-se de um novo Cavaco Silva

* As obras preliminares da Barragem do Alqueva começaram no já longínquo ano de 1976, mas foram interrompidas dois anos depois .

A decisão de construção ficou adiada até 1993, avançando então com Cavaco Silva como Primeiro-Ministro .

Constituída em Novembro de 1994 a Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas do Alqueva (EDIA)  entrou então em cruzeiro o desenvolvimento do projecto .

Cavaco Silva deixou de ser PM em Outubro de 1995, mas - honra lhe seja - o Governo do novo PM António Guterres decidiu continuar a avançar com o projecto do Alqueva .

Em 2022 a rega já tinha começado a funcionar e a Central Hidroeléctrica veio a ser inaugurada pelo PM Durão Barroso . 

Foi uma obra de seis governos, o que merece ser assinalado positivamente, mas a decisão de 1993 de Cavaco Silva é que fez avançar um empreendimento que estava parado há imenso tempo .

 

* Vejamos agora a realidade sobre os estudos referentes à solução aeroportuária para a Região de Lisboa . 

Por incrível que pareça essa análise teve início no ano de 1969 ( !!! ), tendo surgido quatro alternativas - Fonte da Telha, Montijo, Porto Alto e Rio Frio .

A partir daí foi um autêntico regabofe - em 1972 surgiu Alcochete, em 1978 a Ota, em 1994 Rio Frio à frente da Ota e do Montijo, em 1999 de novo a Ota superando Rio Frio, em 2005 fala-se de novo na Ota quando em 2008 a preferência é para Alcochete, em 2015 Portela + 1 ( Montijo ), em 2019 idem . Em 2020 não é feita apreciação prévia da viabilidade do Montijo por existirem municípios contra a solução . Finalmente em Junho de 2022 surge a solução integrada abarcando Portela a desenvolver dentro do possível, Montijo a curto prazo e Alcochete mais tarde .

Só que o despacho foi imediatamente revogado e permanece-se na estaca zero desde 1969 !!!

Realmente parece necessário um novo Cavaco Silva, pois se assim não for ... continuaremos a ver passar navios e combóios ... em vez de aviões ...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2011
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2010
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D