Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Chaise-Longue

Site de poesia, pensamentos, análise política e social, polémica, pontos de vista, interrogações e inquietações . Aparece de quando em vez, sem obrigações calendarizadas .

Site de poesia, pensamentos, análise política e social, polémica, pontos de vista, interrogações e inquietações . Aparece de quando em vez, sem obrigações calendarizadas .

O favor feito por Maria de Belém ao PS

Os comentários relativos à candidatura de Maria de Belém ( MB ) à Presidência da República - ainda não formalizada mas já inequívoca - surgiram de "muitas e desvairadas gentes" .

De imediato Sampaio da Nóvoa ( SN ), preocupado com a névoa que entende vir essa candidatura trazer ao seu prematuro aparecimento, pronunciou-se de forma deselegante e desajustada, uma vez que muitíssimo antes das legislativas surgiu ele .

Depois foram várias as vozes dentro do PS verberando a iniciativa de MB, classificando-a de fraccionista e provocadora de fragilidades no partido .

Também alguns comentadores se pronunciaram na mesma linha, entendendo o surgimento de MB como limitativo do objectivo da conquista pela esquerda da Presidência da República .

O meu entendimento na matéria está muito longe de ser coincidente com tais vozes .

É que, se o Centro-Direita tiver juízo e não "coleccionar" candidaturas na sua área, centrando-se antes no potencial candidato mais forte ( Marcelo Rebelo de Sousa, há mais de um ano construíndo a sua candidatura como se não fosse nada com ele ... ), a sua compita com um SN único candidato significativo à esquerda ( os sempre prováveis oriundos do PCP ou do PCTP-MRPP não contam e o estimável Henrique Neto também não pesará ) seria um autêntico passeio .

Só que o surgimento de MB altera um tanto as coisas - se SN se limitará a "pescar" votos à esquerda já MB será mais abrangente e capaz de fixar a área menos extremada do PS para além de poder penetrar nos desinteressados e nos indecisos bem como em franjas menos conservadoras da área à sua direita .

E então se surgirem várias candidaturas na área do Centro-Direita a probabilidade da ocorrência de uma segunda volta converter-se-á em certeza .

Ou seja : a candidatura de MB devia ser agradecida pelo PS e não criticada por algumas franjas do partido ( os sonhadores nefelibatas de uma esquerda unida que jamais será vencida ) .

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D